segunda-feira, 13 de janeiro de 2014

Protesto no Pará



Aprovados no Concurso Público 002/2012, promovido pela Companhia Docas da Pará - CDP, em novembro de 2012, para o cargo de Guarda Portuário, farão, na próxima quinta-feira, dia 16 de janeiro, uma manifestação de protesto para cobrar a continuidade do concurso.
Os concursados esperam pela realização da 6ª etapa, de caráter eliminatório, que seria realizada em abril de 2013, mas que, sem justificativas convincentes, já foi adiada quatro vezes, deixando os candidatos angustiados pela espera.
Ao todo, 58 candidatos, sendo 46 homens e 12 mulheres, estão sendo prejudicados, pois tiveram que abandonar seus empregos, para participarem da 6ª etapa, conforme previsto no edital do concurso e no Diário Oficial da União.
Apesar da angustia dos concursados, a direção da CDP não demonstra preocupação em resolver o problema, sempre alegando não terem ainda assinado convênio com o Instituto de Segurança Pública do Estado do Pará, o IESP.
Durante o protesto, os concursados tentarão uma reunião o presidente da CDP, Carlos José Ponciano da Silva.
A manifestação ocorrerá em frente à Companhia Docas do Pará, às 9 horas da manhã.

Um comentário:

fabio lisboa disse...

isso é uma vergonha acho q tendo a vaga e se o concurso foi feito para preenchimento de vagas entao pq a enrolaçao e nao é so no concurso da guarda q ta essa moleza toda nao,tem um monte d gente q passou e ainda nao foram chamados em outros concursos,é um desrespeito p quem largou seu emprego por ter dado como certo algo q se tornou duvida por incompetência de governo.